10 de março de 2014

A partir de hoje a Gestão de Limpeza, Espaço Verdes, Equipamentos, Escolas, Mercados, Passeios..

As juntas de freguesia de Lisboa ficam responsáveis, a partir de hoje, pela gestão da limpeza das ruas, de vários espaços verdes, equipamentos, escolas, mercados e alguns passeios, dando seguimento à reforma administrativa da cidade.

Os presidentes das juntas de freguesia de Lisboa, à excepção do autarca de Carnide, eleito pela CDU, assinaram hoje com a Câmara de Lisboa os autos de transferência de competências do município para aqueles órgãos autárquicos, no âmbito da reforma administrativa da cidade.
"A partir de hoje as juntas terão a responsabilidade integral da limpeza e varredura das ruas, por 1.280 espaços verdes, por mais de 1.500 quilómetros de passeios, por mais 100 equipamentos desportivos, por escolas e jardins-de-infância e por mais de 28 mercados e feiras", anunciou hoje o vice-presidente da Câmara de Lisboa, Fernando Medina.

Segundo o autarca, que tem também os pelouros dos recursos humanos e das finanças, a partir de hoje também mais de 1.000 trabalhadores vão passar da câmara para as juntas de freguesia, o que desbloqueia "a segunda, terceira e quarta tranches" dos cerca de 68 milhões de euros provenientes do Orçamento do Estado para as juntas de freguesia.

No entanto, a partir de hoje, disse o vereador, há "novas dificuldades" neste processo da reforma administrativa: "Será um mês intenso, de finalização", considerou, indicando que os ordenados deste mês vão ser já processados pelas juntas, tal como a receita dos equipamentos, que também será "liquidada e cobrada pelas juntas".

Lusa/SOL

Sem comentários:

Enviar um comentário