A líder do partido, Catarina Martins, esteve hoje com o candidato autárquico do BE à autarquia da capital, Ricardo Robles, numa visita ao bairro da Boavista e a um espaço onde foram abatidas recentemente dezenas de árvores com vista à construção de um campo para o Grupo Desportivo Direito, advertem os moradores.
“Um crime ambiental destes não pode ficar impune e é preciso encontrar uma forma de recuperar o desastre”, declarou a líder do Bloco, que diz que “não se compreende” por que é que foi não se construiu no espaço, por exemplo, uma escola ou equipamentos sociais para o bairro em causa.
E concretizou, falando da relação entre os moradores e a autarquia da capital: “É óbvio que a comunicação falhou quando toda a gente foi apanhada desprevenida pelo abate de árvores. Mas convenhamos que não é só a comunicação que falha”.
A coordenadora bloquista visitou o bairro, pertencente à junta de freguesia de Benfica, e encontrou-se com a associação de moradores, que explicou a questão do abate das árvores a Catarina Martins.